3 Segredos Pra Preparar Deliciosos Legumes Ao Forno

A culinária pernambucana teve ação indígena, africana e portuguesa. Esta mistura de tradições e culturas resultou numa culinária rica de sabores, cores e perfumes. As tradições são diversas e a todo o momento seguidas à risca. Na Semana Santa, a título de exemplo, não ausência à mesa da família permambucana o peixe ou camarão acompanhados de bredo, arroz e feijão cozidos no leite de coco.

No São João as comidas de milho estão presentes pela pamonha, canjica (no Sul do estado chamado de curau), bolo de milho. Mas não é apenas isto. Assim como não faltam pela mesa junina os bolos de macaxeira, pé-de-moleque e o famoso bolo Souza Leão (receita secreta da família de mesmo nome). O caldinho é típico dos bares do Recife.

Advertisement

O hábito é ingerir o caldinho bem quente em um copinho anão, acompanhado de um copinho de cachaça. Desta forma é conhecido assim como como “Ele e Ela”. 2 tomates, um cebola, 3 dentes de alho, 1/dois pimentão, coentro, sal e pimenta batidos no liquidificador. Cozinhe o peixe ou camarão em 1 litro de água, perto com os temperos, até que o caldo se reduza a quase a metade. Faça um molho refogando Teste Prontamente: Receitas Fáceis E Baratas De Frango . Junte os tomates e deixe cozinhar até engrossar.

Junte o sururu e deixe ferver mais ou menos 20 minutos. Junte o leite de coco e quando erguer fervura apague o fogo. Junte o leite de coco e o azeite e ferva por mais cinco minutos. Espaguete à Putanesca do fogo, descarte a cabeça do peixe e bata tudo no liquidificador. Se usar o camarão bata tudo no liquidificador e coe em peneira grossa. Volte ao fogo pra ferver e sirva neste momento em canequinhas ou copinhos pequenos.

O caldinho também poderá ser de feijão. Por este caso é só bater no liquidificador o feijão já pronto e temperado (de preferência um feijão cozido com carnes defumadas) com bastante caldo, regressar à panela pra ferver e cuidar com uma azeitona dentro de cada copinho. Muito apreciado pelos pernambucanos, o caranguejo é um crustáceo que necessita de direito esforço e competência na hora de saboreá-lo.

Entretanto, quem o experimenta não deixa de regressar a provar. A maneira correta de ingerir é encaminhar-se arrancando as patas, uma a uma, fragmentando e retirando a carne. No fim, abre-se o corpo do carangueijo pra ingerir a gordura que fica depositada no casco. Lave bem os caranguejos em água corrente, com a auxílio de uma escova fina, para tomar toda a lama. No momento em que levantar fervura junte os carangueijos e deixe ferver cerca de quarenta minutos. Retire do caldo, passe para uma travessa e suave à um ambiente onde possa ser quebrado (geralmente uma pequena tábua e um quebrador, como um pilãozinho, pra cada pessoa).

Advertisement
  • A vida é curta- não perca os momentos que você tem com suas pessoas favoritas
  • Depois é só auxiliar
  • dois de setembro de 2011 às 00:00
  • Opo de leite

Um saboroso e simpático petisco de caranguejo servido dentro do respectivo casco do crustáceo. Frite os temperos no azeite até que comecem a dourar, junte a carne de caranguejo, o leite de coco e tempere com sal e pimenta. Deixe ferver quinze minutos. Dissolva o amido em um tanto d’água, derrame sobre a carne e mexa até ferver.

Advertisement

Em uma frigideira doure 15 Receitas De Açucarado Fit . Encha os casquinhos do caranguejo com o creme e cubra com a farofa. O sururu é um marisco nanico e muito comum em Culinária Da África . Preparado com o leite de coco ganha um sabor especial, adocicado. O costume é servi-lo com farinha de mandioca e limão.

Share This Story

Get our newsletter